MAS INSISTE NO REFERENDO SOBRE INDEPENDÊNCIA CATALÃ

Recuperamos matéria do jornal português Diário de Notícias, realizada a partir do encontro que o Presidente da Generalitat (governo catalão) teve com jornalistas estrangeiros no dia de Sant Jordi (São Jorge), padroeiro da Catalunha.

por Lusa

Diário de Notícias

 Publicado originalmente em 23/04/2014

O presidente do governo da Catalunha, Artur Mas, prometeu hoje insistir na realização de um referendo sobre a independência da região a 09 de novembro, apesar de o parlamento espanhol ter rejeitado a iniciativa.

O parlamento espanhol rejeitou, a 08 de abril, por larga maioria a proposta de referendo sobre a independência da Catalunha que o governo regional pretende realizar, mas hoje Mas garantiu que pretende avançar com a votação.

“O referendo será realizado, de certeza, e o povo catalão será chamado às urnas no dia 09 de novembro”, afirmou o governante regional, num encontro com jornalistas correspondentes estrangeiros, no dia em que a região celebra o dia do seu patrono, Sant Jordi.

“Pode o governo central querer cancelá-lo? Não sei. Isso não depende de mim”, disse Mas.

O referendo pretende questionar os eleitores sobre se consideram que a Catalunha deverá ser um Estado e, em caso afirmativo, se esse estado deve ser independente.

Muitos catalães tomam como exemplo o caso da Escócia, cujos líderes convocaram um referendo para setembro sobre a independência, um ato autorizado pelo governo britânico.