Arxiu de la categoria: Outros

Revista ao ano de 2014 (Independência da Catalunha: referendo simbólico)

EURONEWS

Publicado originalmente em 16/12/14

Que as histórias mais a/o marcaram em 2014? A crise na Ucrânia e a anexação da Crimeia pela Rússia, associada à tensão entre Washington e Moscovo que ganharam ecos da Guerra Fria? A guerra na Síria e os ataques suicidas no Iraque? O avanço do autodenominado Estado Islâmico e a execução de reféns divulgada em vídeos pelo grupo radical? O surto do vírus Ébola que matou milhares de pessoas na África Ocidental? No desporto, muitos portugueses querem esquecer a prestação da seleção nacional no Mundial de futebol realizado este ano no Brasil. Há, no entanto, quem considere que este foi um dos melhores campeonatos de sempre. No espaço, destacamos a missão Rosetta. A sonda Philae aterrou na superfície do cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko. A missão que representa uma vitória para a Agência Espacial Europeia permitiu dar passo de gigante na história da exploração espacial. A lista não fica por aqui. Participe nesta viagem ao ano de 2014 e dê-nos a sua opinião!

Independência da Catalunha: referendo simbólico

2014 foi um ano importante para os movimentos regionais de independência. Um mês após a Escócia ter votado contra a saída do Reino Unido, no dia 9 de novembro foi a vez de o povo da Catalunha ir às urnas. Mas o referendo catalão foi diferente do escocês: não houve apoio do governo central espanhol. A iniciativa veio do parlamento regional catalão, que anunciou a decisão em dezembro de 2013, após as grandes manifestações pró-independência do ano interior. O referendo foi rejeitado pelo parlamento espanhol em Madrid e suspenso pelo Tribunal Constitucional. Porém, Artur Mas, presidente da região da Catalunha, decidiu manter a votação, que contou com a ajuda de milhares de voluntários. Apesar da ausência de valor legal, cerca de 2,3 milhões de pessoas participaram das quais, 80 por cento apoiou a independência. A Procuradoria Geral do Estado apresentou uma queixa-crime contra Mas e dois outros funcionários da Catalunha por “desobediência, perversão do andamento da justiça e mau uso de recursos públicos”.

REUTERS BRASIL: Catalunha começa a organizar referendo sobre separação, apesar de veto de tribunal

REUTERS BRASIL – Publicado originalmente em 03/10/14

(Reportagem de Emma Pinedo)

MADRI (Reuters) – O líder da Catalunha criou uma comissão para supervisionar um referendo sobre a independência no mês que vem, desafiando o governo central da Espanha, que recorreu à Justiça para impedir a votação.

O presidente da rica região no nordeste do país, Artur Mas, nomeou na noite de quinta-feira uma comissão de sete pessoas para supervisionar a votação, informou o governo local em um comunicado.

Essa foi a primeira medida oficial de preparação para a votação sobre a separação de Espanha, marcada para 9 de novembro, depois que o Tribunal Constitucional concordou na segunda-feira em verificar a legalidade do referendo – uma decisão que efetivamente suspendeu a votação.

O gabinete do primeiro-ministro Mariano Rajoy se recusou a comentar.

Continua llegint

Catalães vão às ruas gritar pelo sim à independência

Nem a chuva impediu os manifestantes de Barcelona, que lotaram com seus guardas-chuvas a Praça de Sant Jaume, nesta terça-feira (30/09), atendendo a convocação da campanha ‘Ara és l’hora’ (Agora é a Hora)

Catalães de todas as idades atenderam ao chamado da campanha ‘Ara és l’hora’ – Agora é a hora –, promovida pelas organizações Òmnium Cultural e Assembléia Nacional Catalã (ANC), para se posicionar em favor do sim à independência. Às 19h no horário local (14h no Brasil), praças e ruas de várias cidades da Catalunha ficaram lotadas, em resposta a decisão do Tribunal Constitucional espanhol, que suspendeu cautelarmente a Lei de Consultas e o decreto de convocatória do referendo de 9 de novembro (9-N).
Em Barcelona, nem a chuva impediu os manifestantes de lotarem a Praça Sant Jaume e as ruas adjacentes. Na mobilização na capital catalã se pronunciaram a presidente da ANC, Carme Forcadell, e a presidente da Òmnium, Muriel Casals. Debaixo de chuva, Forcadell convocou os cidadãos a se manterem firmes e unidos para conseguir a independência.
Milhares de pessoas também se concentraram nas praças centenárias de municípios de toda Catalunha. Abaixo fotos das cidades de Girona e Vic.

st jaume12

Carrer Ferran, na entrada da Praça Sant Jaume de Barcelona

Praça da cidade de Vic

Praça da cidade de Vic

 

 

Autarquias catalãs aprovam realização da consulta soberanista de 9 de novembro

Cerca de 88% das autarquias catalãs já formalizou em plenários locais o seu apoio à realização da consulta soberanista de 9 de novembro.

OBSERVADOR

Publicado originalmente em 25/09/14

Cerca de 88% das autarquias catalãs, que equivalem a 80% da população da região autónoma, já formalizou em plenários locais o seu apoio à realização da consulta soberanista de 9 de novembro.

Em concreto, o apoio à consulta já foi formalizado em 828 dos 946 municípios da Catalunha, segundo dados atualizados facultados à Lusa por porta-vozes da Associação de Municípios pela Independência (AMI) – que abrange 698 autarquias – e da Associação Catalã de Municípios (ACM) – 915 autarquias.

Continua llegint

Catalunha realizará consulta popular por independência da Espanha…

… O governo central, com base na Constituição, diz que vai barrar o plebiscito

Por 106 votos a 28, os parlamentares apoiaram a convocação de uma consulta marcada para o dia 9 de novembro. Multidão comemorou a decisão nas ruas

COLUNA DO RICARDO SETTI (seção Vasto Mundo)

fundo-ricardo-setti

Publicado originalmente em 21/09/14

De VEJA.com

Depois da decisão da Escócia de dizer não à independência do Reino Unido, o movimento separatista da Catalunha deve ser o próximo a tentar a formação de um novo Estado no continente europeu. O Parlamento da Catalunha aprovou nesta sexta-feira uma lei que permitirá ao presidente da região, Artur Mas, convocar uma consulta popular sobre a emancipação, prevista para ocorrer no dia 9 de novembro. A decisão teve 106 votos a favor e apenas 28 contra.

O jornal El País relatou que uma multidão acompanhou a votação desta sexta-feira do lado de fora do Parlamento, com gritos de apoio à consulta de 9 de novembro. Em sua chegada ao local, o presidente Mas foi aclamado pelos manifestantes, assim como outros políticos favoráveis à independência da Catalunha.

O presidente regional apoiou a campanha do “sim” na Escócia e ressaltou que os catalães querem apenas ter a mesma chance que os escoceses tiveram de votar. Contudo, o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, tem dito repetidamente que vai bloquear a votação, com base na Constituição espanhola.

Continua llegint

Clipping sobre a Independência da Catalunha (em português): Quarta feira, 17 de setembro de 2014

DIÁRIO DE NOTÍCIAS:

MNE espanhol admite suspender autonomia da Catalunha

JORNAL DA MADEIRA:

Parlamento catalão aprova sexta-feira nova lei de consultas

YAHOO! NOTÍCIAS:

Parlamento catalão aprova resolução de apoio a referendo de soberania

RTP NOTÍCIAS:

Catalunha quer referendo sobre independência a 9 de novembro

ECONÔMICO:

Rajoy diz que referendos da Escócia e Catalunha provocam “recessão e pobreza”

RENASCENÇA:

Medo da Catalunha. Rajoy critica referendos pela independência

SAPO:

Da Escócia à Catalunha vão muitos pontos de distância

DW:

Além da Escócia, outras regiões europeias cultivam tendências

UNIVBERSIDADE FEDERAL CAMPINA GRANDE:

PET-Letras/UFCG organizará atividades de promoção da língua catalã

Clipping sobre a Independência da Catalunha (em português): Quinta feira, 11 de setembro de 2014

Uma avalanche de matérias sobre a gigantesca manifestação ocorrida neste histórico 11 de setembro de 2014, Dia Nacional da Catalunha (Diada), em Barcelona, tomou conta do noticiário internacional. Abaixo uma compilação com 45 matérias escritas em português, acessadas através de buscadores na internet. Para facilitar a compreensão, estão as agrupadas em três grandes blocos: Diada na mídia portuguesa, Diada na mídia brasileira e matérias sobre o Barça e a Diada. Confiram e boa leitura: Continua llegint

Clipping sobre a Independência da Catalunha (em português): Quarta feira, 10 de setembro de 2014

Abaixo mais um Clipping (recull de premsa) com notícias geradas em função do Dia Nacional da Catalunha, que se celebra nesta quinta-feira (11/9), quando está prevista uma manifestação gigantesca em Barcelona em prol da independência. Confiram:

RTP – Rádio Televisão Portuguesa: O V da Catalunha

RTP – Rádio Televisão Portuguesa: Artur Mas diz que “é impossível impedir referendo sobre independência da Catalunha”

Revista EXAME (Brasil): Líder catalão defende desobediência civil em caso de veto

Daily Motion – Vídeo (10:08) e Texto (resumo): Escócia e Catalunha: O tiro pela culatra da política europeia

Rádio Evangelho: Governo espanhol volta a criticar referendo catalão

Jornal de Negócios*: Risco de referendo na Catalunha faz subir juros de Espanha

*Matéria completa só para assinantes

Clipping sobre a Independência da Catalunha (em português): Terça feira, 09 de setembro de 2014

Diante da avalanche de notícias internacionais publicadas por conta do Dia Nacional da Catalunha, na próxima quinta-feira (11/9), e em função da manifestação gigantesca que irá se realizar em Barcelona em prol da independência, nos próximos dias iremos publicar Clipping (recull de premsa) das notícias publicadas em português, na rede, sobre o tema. Vamos às primeiras.

Nesse primeiro clipping, vale destacar que as manchetes não se conectam ao conteúdo das matérias produzidas. Podendo não refletir a visão dos repórteres que as produziram, mas sim dos veículos que as publicaram. Tais manchetes induzem, em geral, a uma visão negativa do movimento independentista catalão. O que pode ser avaliado por vocês mesmos, leitores:

JORNAL DE NEGÓCIOS:

Movimentos independentistas impulsionam juros da dívida por toda a Europa

WORLD NEWS:

Líder separatista catalão defende desobediência civil em caso de veto a consulta (RESUMIDO)

SWISS INFO (em português):

Líder separatista catalão defende desobediência civil em caso de veto a consulta (COMPLETO)

CORREIO DA MANHÃ:

Protestos contra e a favor da independência marcam dia regional da Catalunha

 

Ato pela independência catalã tem 400 mil inscritos

Jornal do Brasil

Publicado originalmente em 04/09/14

 Mais de 400 mil pessoas já se inscreveram para participar da manifestação pela soberania da Catalunha que será realizada no centro de Barcelona em 11 de setembro. A data marca o dia da festa nacional dessa região autônoma espanhola, onde há um forte movimento independentista.

“Queremos que seja o maior ato da história”, declarou Carme Forcadell, presidente da Assembleia Nacional Catalã, uma das organizações que convocou o protesto. A passeata terá também cerca de mil urnas simbólicas para representar a vontade dos participantes de votar um referendo pela independência anunciado pelo presidente da Catalunha, Artur Mas, para o dia 9 de novembro. A consulta é considerada ilegal pelo governo da Espanha.     Continua llegint

Governo catalão convida observadores para consulta de soberania

Prensa Latina – Agencia informativa Latinoamericana

Publicado em 03/09/14

 

Madri – Governo da Catalunha convidará observadores internacionais para a consulta de soberania dessa região autônoma espanhola, planificada para o dia 9 de novembro próximo, anunciou hoje a vice-presidenta do Executivo local, Joana Ortega.

A funcionária pública declarou perante a imprensa que o mundo deve testemunhar a vontade dos catalães de decidir seu futuro nas urnas, apesar da oposição de Madri ao referendo de independência. Continua llegint

Ativismo político na Catalunha como inspiração para redemocratizar o Brasil

Um amigo catalão, de viagem pelas entranhas do Brasil, acaba de nos mandar o link de um texto do diretor do Ibase, o sociólogo Cândido Grzybowski, publicado em 02/05/14, em que se destacam as virtudes do processo de independência da Catalunha, considerado uma fonte de inspiração para as lutas democráticas e populares do Brasil e do mundo. Opinião especialmente valiosa após constatar como foi reconduzida toda a energia social liberada durante as manifestações e protestos contra a Copa das Confederações, em 2013, e do Mundo, em 2014.

O Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (Ibase) é uma organização da sociedade civil fundada em 1981 por, entre outros, o sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, famoso por idealizar o programa Fome Zero. Localizado no Rio de Janeiro, o Ibase tem por objetivo a radicalização da democracia e a afirmação de uma cidadania ativa.

De acordo com o texto de Grzybowski, “seria ledo engano pensar que o problema é apenas um desajuste local, uma crise conjuntural e movimentos de cidadania sem fôlego. Na Catalunha se decide muita coisa de fundamental para a democracia e a cidadania pelo mundo, pois ali se avança em demandas de relocalizar e reterritorializar o máximo possível da vida social, cultural e econômica, baseado no princípio de direito cidadão de decidir. A Catalunha possui a vantagem de ter uma forte cultura participativa e autogestionária. Quer redesenhar um Estado democrático e plenamente republicano de baixo para cima, onde o máximo que pode ser decidido localmente assim o seja, e só subsidiariamente sejam tomadas decisões em outros níveis, que impliquem em direitos e responsabilidades compartidas com a cidadania em outros territórios, seja na Espanha, na Europa ou no mundo. Estamos diante de um laboratório cidadão em pleno funcionamento, que pode alimentar as esperanças e as utopias de outros mundos, baseados em outros paradigmas“.

Esperemos que o autor e meu amigo poçam se somar este domingo 07 de setembro à manifestação a favor da independência da Catalunha que ocorrerá no Rio de Janeiro, para formar a V de Vote Catalonia, ensaio prévio da gigantesca V que será realizada pela ANC em Barcelona em 11 de setembro.

Leia a seguir o texto completo em:

Ativismo cidadão pelo direito de decidir

Continua llegint

A campanha “Assine um voto pela independência da Catalunha” chega a São Paulo

Neste final de semana e nos dois próximos, a Assembléia Nacional Catalã no Brasil (ANC-Brasil) está coletando em São Paulo assinaturas em prol da independência da Catalunha. Trata-se de uma ação que faz parte da campanha da Assembléia Nacional Catalã (ANC) “Assine um voto pela independência da Catalunha“.

A campanha foi lançada no ano passado quando ainda não se sabia se o referendo iria ser organizado ou não. Hoje, apesar de já existir acordo das forças políticas majoritárias na Catalunha para que seja feita uma consulta democrática no próximo 9 de novembro, o governo espanhol tem se manifestado reiteradamente em contra. Diante da incerteza dos acontecimentos futuros, a campanha em curso da ANC visa outorgar legitimidade diante da comunidade internacional a uma eventual Declaração Unilateral de Independência (DUI) do Parlamento da Catalunha, ao mostrar o respaldo massivo da cidadania a tamanha decisão.

Continua llegint

Qual o impacto da independência da Catalunha sobre o futebol espanhol?

Os brasileiros, famosos mundialmente pela sua paixão pelo futebol, são bons conhecedores dos campeonatos europeus, especialmente o espanhol, assim como dos êxitos esportivos de “La Roja” em outrora.

As notícias sobre o processo de independência em curso na Catalunha vem despertando uma curiosidade entre muitos brasileiros: como essa separação política influenciará o futebol espanhol e se permitirá que a Catalunha desponte como uma nova potência futebolística no cenário internacional. O êxito do célebre treinador catalão Pep Guardiola com o Barça e o Bayern, times chaves por trás das seleções campeãs da Copa do Mundo em 2010 e 2014, tem acirrado mais ainda esta última indagação. Continua llegint

ANC-Brasil constitui-se formalmente como entidade própria

No último dia 29 de julho de 2014, em São Paulo, 15 pessoas participaram da constituição formal da Assembleia Nacional Catalã no Brasil (ANC-Brasil). Para tanto, foi formalizada uma Ata de Constituição e foram eleitos os cargos de coordenador, secretário, tesoureiro, responsável pela imprensa e mídias sociais, fundamentais para o funcionamento do grupo.

Constitucio ANCBrasil 29-07-14

Continua llegint